Conecte com a gente

📰 Colunistas

Gabriel Lauxen: “Ramiro: o pequeno ousado”

Não vem de hoje a minha admiração pelo pequeno guerreiro tricolor. Ramiro é homem de confiança de Renato, mas não é só isso.

Quem analisa o hoje meia-direita apenas como um jogador da confiança do treinador, subestima e menospreza a capacidade individual do jogador mais intenso da engrenagem Tricolor.

Ramiro deixou de ser o jogador comum da era Roger e passou a ser fundamental nas conquistas do Grêmio com Portaluppi. O “Baixo”, como é carinhosamente chamado pelos companheiros, esbanja movimentação, participação e, principalmente, evolução técnica. Taticamente, todos conhecem a qualificação do meia, porém, poucos imaginariam a curva crescente na capacidade de infiltração, tabelamento e até bola aérea de Ramiro. Reza a lenda que ele nunca perdeu uma bola pelo alto.

Ramirinho equilibra o lado direito Gremista e consagra laterais. Até o já consagrado Léo Moura. Ramiro deixa a meia e vira volante, lateral direito e até centroavante.

Tudo isso tem a mão e a voz de Renato.

Deu-lhe confiança e sequência. Agora, segura o Pequeno Ousado!

Qual a sua opinião?

Mais em 📰 Colunistas